30 de abril de 2010

Orquestra Ligeira da E.N. e Jazz

Alguns dos músicos portugueses que nos anos 40 já tocavam jazz - na sua forma do swing e do dixieland - integraram a Orquestra Ligeira da Emissora Nacional, que a partir de 1946 passou a ser dirigida por Tavares Belo, conhecido maestro e fundador de um dos primeiros grupos de jazz portugueses: a Orquestra Swing.

Do baú das memórias apresentamos hoje um excerto de um programa de Natal emitido pela RTP em 1962, no qual participa a Orquestra Ligeira da Emissora Nacional.

Os mais familiarizados com os instrumentistas deste período podem (re)ver aqui Carlos Menezes (guitarra) e Domingos Vilaça (flauta e saxofone
), eles que foram dois expoentes dos primeiros músicos portugueses que se dedicaram ao jazz, mas que não conseguiram profissionalizar-se, tendo de dedicar-se - à falta de um circuito de espectáculos e ao não reconhecimento público deste género musical - à música popular.


1 Comments:

At domingo mai 09, 09:05:00 da tarde 2010, Blogger Mário César Borges Marques de Abreu said...

João,
Este é, infelizmente, um exemplo "requintado" da nossa mais ou menos generalizada periferia cultural...: o facto de, pelo menos alguns dos nossos intérpretes de música de Jazz - que já então proliferavam - terem tido necessidade de se dedicar a este tipo kitsch de música popular portuguesa...para sobreviverem. Por falta de espectáculos e de programas na já então (1962, data deste espectáculo natalício) existente - desde 1956 - Televisão que precedeu a actual RTP, e quando já havia sido fundado há 14 anos o prestigiado HOT CLUB DE PORTUGAL, o nosso Club de Jazz. Note-se que a 2ª Guerra Mundial tinha terminado já em 1945 e que a marca positiva que ela deixou em toda a Europa (além, evidentemente, da estrondosa vitória sobre os Nazis) foram as fortes influências do SWING que as tropas americanas e as suas bandas (e não só) por ela disseminaram. Assinado: Mário César de Abreu

 

Enviar um comentário

<< Home


Site Meter Powered by Blogger