14 de outubro de 2008

80 Anos de Jazz em Cascais em exposição

80anosdeJazzemCascais.jpg

Inaugura no próximo Domingo, dia 19 de Outubro, às 17h30, a primeira grande exposição sobre a história do Jazz no Concelho de Cascais, mostra que estará patente até ao dia 23 de Novembro no Centro Cultural de Cascais, podendo ser visitada de Terça a Domingo entre as 10h e as 18h.

Entre os elementos expostos contam-se fotografias, documentos, vídeos, livros, partituras e discos. Para permitir reviver o ambiente do Jazz no Concelho, estarão disponíveis quatro postos multimedia através dos quais será possível viajar no tempo até aos anos 20 e 40 e ouvir a música dos primeiros grupos de Jazz que se apresentaram em Cascais, assim como escutar registos inéditos gravados nos estúdios do Rádio Club Português nos anos 50, no contexto do programa Hot Club, de Luís Villas-Boas. Os postos multimedia permitem ainda o regresso ao Cascais Jazz e à sua música e músicos, apresentando entrevistas com grandes nomes do Jazz nacional e internacional e ainda uma entrevista de Charlie Haden sobre o incidente político no I Cascais Jazz que levou à sua detenção pela PIDE/DGS.

creativezen.jpg

Entre os vídeos, o destaque vai para um pequeno filme de 30 segundos com a actuação do Trio de Oscar Peterson em 1966 e para os bastidores do Cascais Jazz.

05%20Miles%20Davis%20no%20Cascais%20Jazz.jpg
Miles Davis no I Cascais Jazz

Esta exposição enquadra-se nas comemorações dos 80 anos de Jazz em Cascais, é comissariada por João Moreira dos Santos (autor deste blogue e investigador da história do Jazz em Portugal), sob a égide da Câmara Municipal de Cascais, e tem o apoio do Hot Clube de Portugal e da Creative.

1 Comments:

At quarta out 15, 07:04:00 da manhã 2008, Blogger quasarman said...

João, lá estaremos... Assim o espero, se os eventos a isso forem propícios. Espero que sim. Pela descrição acima, a exposição deve ser fascinante. E a entrevista de Charlie Haden também deve ser "divertidíssima"... e reveladora do obscurantismo da época.
Parabéns pelos seus incansáveis e proveitosos esforços em prol do Jazz e da sua história em Portugal.
Mário César (o tal "quasarman"...)

 

Enviar um comentário

<< Home


Site Meter Powered by Blogger