4 de fevereiro de 2008

Efemérides jazzísticas para 2008

Com o novo ano já instalado é tempo de antecipar as efemérides que se celebram em termos jazzísticos a nível nacional, as quais encaramos como uma oportunidade para relembrar quem fez o quê e quando por esta forma de arte em Portugal.

JNPDI! deixa aqui, pois, alguns dos factos relevantes, numa enunciação que não pretende ser exaustiva, mas tão só referenciar as principais efemérides.

60.º aniversário do Hot Clube de Portugal

DSCN7712.jpg
Foto de João Moreira dos Santos

Em Março de 1948 Luís Villas-Boas assinava a primeira ficha de sócio do Hot Clube, o qual só viria a ser reconhecido pelo Estado dois anos depois, em Março de 1950.

As celebrações do 60.º aniversáio têm início com um concerto a realizar no dia 19 de Março, pelas 22h00, no cinema São Jorge, em Lisboa, protagonizado peal Big Band do Hot Clube e os convidados Maria João, Mário Laginha e o saxofonista britânico Julian Arguelles. Os bilhetes já estão à venda nas FNAC e custam 15 Euros.

60.º aniversário da I jam-session no Chave d'Ouro

jamsessionnochavedouro.jpg
Foto de Augusto Mayer.

No dia 6 de Fevereiro de 1948 o Hot Clube de Portugal, ainda em organização, realizou no Salão de Chá do Café Chave d’Ouro, no Rossio, a primeira de um conjunto de jam-sessions mediante as quais o clube foi adquirindo notoriedade.

Nesta jam-session participaram os principais músicos portugueses entusiastas do jazz e também músicos e artistas estrangeiros que se encontravam em Portugal, como era o caso de Tom Kelling e Pops Whiteman. Entre os músicos portugueses contavam-se Fernando Albuquerque, Art Carneiro, João Santos, Rafael Couto, Alberto Carneiro, Tavares Belo, Domingos Vilaça, Machado, Graça, Nereus Fernandes, Manuel Menano, Luís Sangareau, Mário Simões, Manolo Potier, Costa Pinto, Babs Carneiro, Aleixo Fernandes e Fernando Freitas da Silva.

50.º aniversário da estreia de um músico português num festival internacional de Jazz

newport1958.gif

Em Julho de 1958 o trompetista José Magalhães actuou no conceituado Festival de Jazz de Newport, integrado na International Youth Jazz Band, tornando-se o primeiro músico português a participar num evento desta magnitude. Para se ter uma ideia do prestígio que constituiu tal actuação basta referir alguns dos nomes que também participaram nesta edição do Newport: Louis Armstrong, Miles Davis, Duke Ellington, Thelonious Monk, George Shearing, Jimmy Giuffre, Sonny Stitt, Dave Brubeck, Anita O'Day, Mahalia Jackson, Dinah Washington, Gerry Mulligan...

Grande parte deste elenco está presente no célebre documentário "Jazz on a Summer Day" que Bert Stern realizou sobre o Festival de Newport de 1958.

Louis Armstrong no Newport Jazz Festival 1958)



A orquestra era formada por Palle Bolvig, Roger Guerin, Dusko Gojkovic, Jose Magalhais (tp); Christian Kellens, Kurt Jarnberg, Erich Kleinschuster, Albert Mangelsdorff (tb); Hans Salomon, Wladimiro Bas Zabache (as); Bernt Rosengren, Jan Wroblewski (ts); Ronnie Ross (bs); George Gruntz (p); Gabor Szabo (g); Rudolph Jacobs (b); Gilberto Cuppini (d); Andy Marsala (as); Marshall Brown (dir).

Este concerto foi gravado e editado pela Columbia (CL1246, CS 8073) e Philips (40046).

A selecção de José Magalhães resultou da vinda a Portugal, em Fevereiro deste mesmo ano, do produtor do Newport, George Wein (autor do prefácio do livro O Jazz segundo Villas-Boas), e do dirigente desta big band, Marshall Brown. As audições foram realizadas no Hot Clube com a colaboração de Villas-Boas.

40.º aniversário do "Encontro" entre Amália e Don Byas

byas.jpg

Em Maio de 1968 Don Byas actuou na Queima das Fitas, em Coimbra, e foi convencido por Villas-Boas a gravar com Amália Rodrigues.

Daqui nasceu o disco Encontro, um projecto sem grande preparação, como o prório Villas-Boas explicou anos depois em entrevista a Luís Maio:

"Eles não se conheciam. Eu levei o Byas à Amália, mas ele agarrou-se facilmente ao reportório dela, porque era um grande músico. Em relação à Amália, ela estava um bocado apreensiva, porque não era a área dela".

O resultado deste Encontro seria editado em LP apenas em 1973 e reeditado em CD em 1988.

30.º aniversário do I Festival Internacional de Jazz do Algarve

villas-BoasAlgarve.jpg
Foto de João Freire.

Há 30 anos, Luís Villas-Boas (na foto) e Duarte Mendonça organizavam o I Festival Internacional de Jazz do Algarve, evento que decorreu em Faro e contou com a participação da Buddy Guy/Junior Wells Chicago Blue All Stars Band e do grupo Clark Terry/Illinois Jacquet All Stars.

30.º aniversário da fundação da primeira Big Band Portuguesa

Girassol_2_a.jpg
Foto cortesia de Zé Eduardo.

Em 1978, o contrabaixista Zé Eduardo criou e dirigiu a primeira big band portuguesa: a Orquestra Girassol. Por esta orquestra passaram, entre outros, músicos como Tomás Pimentel, Laurent Filipe e Armindo Neves

25 anos de carreira por Maria João

quinteto.jpg

Em 1982, Maria João ingressou na escola de Jazz do Hot Clube de Portugal. Foi aí que nasceu o seu Quinteto, composto por Maria João (voz), Carlos Martins (saxofone e clarinete), Mário Laginha (piano), António Ferro (baixo eléctrico) e Carlos Vieira (bateria).

O primeiro registo deste quinteto foi editado em 1983, com produção de Bernardo Brito e Cunha, e incluia standards clássicos como "Blue Moon", "Bill Bailey won't you please come home" e "Stormy Weather".

É precisamente este registo que Maria João vai revisitar por encomenda do festival Allgarve Jazz, em concerto a realizar a 6 de Julho, em Sagres.

25.º edição do Jazz em Agosto

20195960.JPG

Em 1 de Agosto de 1984, a Fundação Calouste Gulbenkian, através de Rui Neves, organizava o primeiro Jazz em Agosto, festival que se tornou desde logo uma referência a nível nacional e não só.

O evento arrancou modestamente, com apenas quatro concertos, todos eles protagonizadoas exclusivamente por grupos portugueses. Pelo Anfiteatro ao Ar Livre da Gulbenkian passaram o Quinteto de Maria João,o Quinteto Xis, o Sexteto de Jazz de Lisboa e o Quarteto António Pinho Vargas.

Já agora, permitam-nos referir o modesto 5.º aniversário de JNPDI!, para o qual estamos a preparar um grande acontecimento jazzístico. Assim haja patrocinador e não faltará festa rija com um grande nome do jazz internacional...

1 Comments:

At domingo dez 05, 01:55:00 da tarde 2010, Blogger afonso rocha said...

1º Festival de Jazz do Algarve...
que saudades desse tempo...
ainda guardo religiosamente um cartaz desse festival. Uma relíquia para mim...assim como os autógrafos dos músicos participantes!!!!!
Abração

 

Enviar um comentário

<< Home


Site Meter Powered by Blogger